Horrivel!

É o mínimo que se pode dizer deste primeiro jogo para a Liga dos Campeões. A jogar contra um conjunto de lenhadores não fomos além de um empate ainda que fora das nossas portas. Tivesse o  Spartak feito uma gracinha em Barcelona e a esta hora já estávamos a fazer contas à vida. Ainda assim não sei se este empate não pode ser mesmo considerado uma derrota uma vez que este Celtic é muito, mas muito fraquinho. Esta equipa do Benfica será para consumo interno e ainda assim vamos ver como chegamos a Janeiro. Como diziam no blogue do Gordo, 0-8 contra o Barcelona pode ser um bom resultado.

P.S. – O único que fez um jogo ainda assim razoável foi o André Almeida.

 

S.L.Benfica vs Real Bétis

Como não estou com paciência para análises técnico-tácticas (esta foi à Luís Freitas Lobo) vou tentar explicar-me à moda de André Villas Boas, em formato de Bullet Points:

  • Coisinhas Boas
  1. Ressurgimento de Gaítan
  2. Aimar (vénia) e o seu toque de bola
  3. Afinal temos um lateral esquerdo que mais parece um segredo de estado. Luisinho não me parece tão mau quanto o JJ o pinta
  4. Rodrigo, que parece estar com fome de bola
  5. Miguel Vitor, não esteve mal
  • Coisinhas más
  1. Matic, é apenas Matic. Não tentem fazer do gajo o novo Javi Garcia, nem pouco mais ou menos
  2. Foda-se JJ….o André Almeida é médio caralho!!!!
  3. Para terem contratado o Ola John, mais valia terem ficado lá com o Djaló. Tinha saído mais barato, uma vez que não me parece que alguma vez vá calçar;
  4. André Gomes, ainda é “verdinho”, com muitos passes falhados e faltas de concentração; Se é isto que temos para a posição do Witsel, estamos fodidos!
  5. O Jardel, é apenas o Jardel. Um protótipo de jogador de futebol
  6. Já vimos que JJ vai apostar na táctica suicida de 4-4-2 com Aimar e Matic no meio., e caguem lá nisso que cá atrás está o Luisão e o Artur para resolver.
  7. 4.9 milhões pelo Lima, com 29 anos e sendo que estava no fim de, contrato, não se percebe. Mais uma negociata de LFV com o amigalhaço Salvador. Não me parece que vá calçar por aí além
  8. Bruno César, não é Aimar (vénia), nem sequer é bom para jogar naquela posição.
  9. Ainda falando de Bruno César…foda-se mas que camisola é aquela caralho? Ninguém lhe diz que é feio de se ver um “badocha” com uma camisola justa? Aquilo é o manto sagrado, não fica bem a qualquer um!
  10. Nolito tentou mostrar-se mais ao Bétis que ao treinador e adeptos do Benfica
  11. JJ em vez de aproveitar para por o Cancelo a lateral direito, adapta dois jogadores a lateral. És grande Jesus!
  12. Não ter levado o Miguel Rosa

Em jeito de conclusão, apenas me ocorre uma palavra para definir  esta época. Estamos FODIDOS!!!!

A minha pila é maior que a tua!

espero que já tenha acabado esta coisa do Hulk e do Witsel. Fazem-me lembrar os putos que comparam os tamanhos das pilas. Eu quero lá saber por quanto é que o Hulk foi vendo e quem mamou comissões. Acho que já está na altura de LFV deixar de andar a comparar a sua pila com a do corrupto do norte, até porque é capaz de se dar mal. Pelo menos a avaliar pela brazuca!

Querido Lider

Soube através de aqui que ao que aprece existe um Blogue de apoio a Luis Filipe Vieira, nas próximas eleições. Não me oponho. Mas pelo estilo de escrita diria que o Blogger em causa deve ter estagiado num qualquer pasquim Norte Coreano.

Burro velho não aprende linguas

Este ditado serve na perfeição o estado de alma do universo benfiquista. A Blogosfera parece estar a acordar agora, e tarde, para os defeitos da liderança de Jorge Jesus no comando técnico da nossa equipa. Lamento informar, mas estão muito atrasados. Neste blogue desde o início que venho dizendo que Jorge Jesus não passa de um bluff feito pela imprensa. Basta para isso ,e para quem quiser dar-se ao trabalho, de procurar nos arquivos deste blogue. Eu confesso que nem tenho coragem de me dar ao trabalho pois foram tantos os posts que coloquei aqui que faria uma lista infindável. Mesmo no ano em que fomos campeões na última jornada, e no primeiro ano de JJ, atrevo-me mesmo a dizer que o mesmo só foi possível porque o hulk esteve suspenso seis meses e o Jesualdo já era um caso arrumado na agremiação nortenha. A partir daí foram equívocos atrás de equívocos sempre aparados por quem lidera. Tivemos um Roberto que nos custou um título e que depois foi empandeirado sem que ninguém questionasse o porquê de sequer ter calçado as luvas. Até foi visto como um brilhante acto de gestão. No ano passado foi o caso Emerson em que insistiu com ele até ao fim, quando até um cego via que não era solução e que até a nível interno havia alternativas. Mas JJ acha que sabe mais que todos nós, que um simples treinador de sofá. Está provado que não. Emerson teve o mesmo destino que Roberto, e mais uma vez sem que ninguém o questionasse o porquê de ter insistido no jogador para no final da época o ter dispensado. Se não servia para agora, é óbvio que não servia antes. E depois as contratações ridículas e algumas dispensas que não se percebe. Djaló, Ola John, Michel, e afins…mas para quê? O Benfica caiu num erro grave e a ver vamos se não vamos pagar bem caro essas opções. O erro consistiu que era melhor assegurar os jogadores antes de outros partirem. Mas o mercado não está para isso. Ninguém tem dinheiro para pagar cláusulas de rescisão, à excepção de dois ou três clubes e mesmo esses não vêm o mercado português como um mercado atractivo, uma vez que vende caro jogadores de tenra idade que são pouco mais que uma incógnita. E esses mesmos clubes que têm “ainda” algum poder económico querem jogadores de créditos firmados pois não têm tempo para jogadores “melões”. O caso do defesa esquerdo é sintomático da má preparação de mais uma época. Como não se vendeu, agora há um excedente em algumas posições e carência noutras. Iniciamos a época sem um lateral de raiz. Aposta-se num jogador que desconhece a posição. Um jogador jovem, que nas palavras de JJ está ainda numa fase de aprendizagem a uma nova posição. No entanto temos jogadores da mesma idade na equipa B como o Carole ou o Luís Martins que sempre jogaram nessa posição. Não estou a dizer com isto que estes dois são melhores ou piores que o Melgralejo. A questão está na mensagem que JJ passa para o resto do plantel. E essa é que nem que sejas o melhor do mundo na equipa B, jamais vais calçar na equipa principal. Depois temos a equipa escolhida para o primeiro jogo da época…sem sentido algum. Jogar com o Braga com dois pontas de lança de raiz, dois extremos abertos e apenas dois jogadores de meio campo sem organizador de jogo? O que estará a pensar Carlos Martins, Enzo Perez e companhia que até deram algumas boas indicações? E quem temos nós para substituir o Witsel ou o Javi sabendo que JJ nunca roda as equipas e que esgota os jogadores até ao fim? Este é talvez o plantel mais desequilibrado dos últimos anos, apesar de se terem gasto mais 22 milhões a somar a umas centenas de passivo que pouco ou nada deram ao Glorioso. Está na hora de repensar o Benfica e o que querem os Benfiquistas de uma forma séria, elevada e democrática.É que para JJ e LFV o futuro é sempre o dia de amanhã. Quem vier atrás que feche a porta e apague a luz, porque a herança é pesada!

Dinheiro

Há pouco e cada vez mais escasso. A verdade é que este mercado de transferências até ao momento movimentou pouco ou nenhum dinheiro. Os únicos que abriram consideravelmente os cordões à bolsa foi o PSG. O receptor desse dinheiro, o A.C.Milan ainda não o largou. E por não o ter largado até ao momento, o dinheiro não circula e como não circula, os plantéis estão cheios de jogadores excedentários, abrindo uma nova moda. Agora, os jogadores mesmo com contrato tentam mandar os mesmos às urtigas, tentando desvincular-se a custo zero. Ainda este fim de semana, o jogador Kolo Touré, irmão de Yaya, mandou a sua medalha de vencedor da Supertaça inglesa para a bancada em sinal de protesto pelo facto de Mancini não o libertar a custo zero e  este ainda ter um ano de contrato. Se esta moda pega no Glorioso dado o elevado número de extremos e avançados, pois o dinheiro não circula, corre o risco de começar a época com rupturas dentro de um plantel que se quer blindado e concentrado na conquista do título nacional.

vai-se lá saber…

…porquê mas anda para aí tudo muito excitado com o que se passou em Dusseldorf. Como se fosse problema deles. Pinto da Costa em vez de se congratular com a vitoria do seu clube na Supertaça, veio falar no que se tinha passado na Alemanha. É normal. Está no ADN deles. Por isso irão ser sempre um cube menor, mesmo que continuem a hanhar títulos. Mas adiante. O que se passou na Alemanha, por mais que a maioria dos Benfiquistas queira desvalorizar, é grave. Um capitão de equipa não pode abordar daquela maneira um àrbitro. Nem em Portugal nem no estrageiro, embora reconheça (até porque pratiquei desporto federado alguns anos) que nem sempre é fácil. E até custa a acreditar que um jogador com a experiência do Luisão que de maneira geral sempre o tive em conta como um jogador correcto, tenha tomado uma atitude como aquela. Compreendo, mas não aceito, e o primeiro comentário que deveria ter feito era pedir desculpa, não pela a agressão, que penso que não existiu para todo aquele aparato, mas por todos aqueles que pagaram bilhete em especial a comunidade emigrante. Agora, vamos ver o que acontece. Algo me diz que a mão da Uefa vai ser pesada, imas esperemos que não.